Vishows

Para quem gosta de ver e ouvir ao vivo – Blog & Podcast

System Of A Down – Meu ponto alto do Rock In Rio

20110929-143818.jpg

A renomada banda armeno-americana System Of A Down estará nesse estranho Rock In Rio que está em andamento desde o dia 22 de Setembro, mas por mais que várias bandas phodásticas como Slipknot, Metallica e Red Hot Chilli Peppers tenham tocado muito bem, para mim, o Rock In Rio começa apenas no dia 02 de Outubro, dia em que por um acaso se encerra.

Por que? Bem simples, é quando o System vai tocar, necessariamente às 23:10 da noite. Um dia antes, eles estarão aqui em São Paulo, tocando na Chácara do Joquei, e por infelicidade eu não poderei estar em nenhum deles, paciência, vou esperar pela próxima aparição dos caras por aqui e me preparar para uma longa noite de Rock’N Roll.

Esse é o provável Setlist dos shows no Brasil, já que foi o mesmo Setlist usado nos últimos dois shows

1. Prison Song
2. Soldier Side – Intro
3. B.Y.O.B.
4. Revenga
5. Needles
6. Deer Dance
7. Radio/Video
8. Hypnotize
9. Question!
10. Suggestions
11. Psycho
12. Chop Suey!
13. Lonely Day
14. Bounce
15. Lost in Hollywood
16. Kill Rock ‘n Roll
17. Forest
18. Science
19. Mind (First time live since 2004)
20. Innervision (First time live since 2004)
21. Holy Mountains
22. Aerials
23. Vicinity Of Obscenity (Second time live ever)
24. Tentative
25. Cigaro
26. Suite-Pee
27. War?
28. Toxicity
29. Sugar

System Of A Down Returns

O que todo mundo esperava enfim aconteceu, depois de muitos rumores o System Of A Down enfim confirma seu retorno aos palcos.

Ainda há muitos rumores sobre a banda, dizem a boca miuda que eles tem sido vistos entrando em estúdio, nada confirmado por enquanto. No site oficial, há a confirmação apenas de varios shows pela europa no mês de junho !!

Há um discurso saudosista que agradece aos fãs e diz que estavam com saudades de tocarem juntos, ao mesmo tempo, desmentem de forma velada os rumores sobre novos albuns, mas mesmo assim eles não negam nem confirmam coisa alguma

Agenda De Shows

6/2/11 – Italy, Milan, Milan Fiera Arena (AVAILABLE NOW)

6/4/11 – Germany, Nurnberg, Rock im Park (AVAILABLE NOW)

6/5/11 – Germany, Nurburgring, Rock am Ring (AVAILABLE NOW)

6/6/11 – France, Paris, Omnisports de Bercy (on-sale Dec 14 @ 10am)

6/9/11 – Switzerland, Interlaken, Greenfield Festival (AVAILABLE NOW)

6/11/11 – UK, Castle Donington, Download Festival (AVAILABLE NOW)

6/13/11 – Austria, Nickelsdorf, Novarock (AVAILABLE NOW)

6/15/11 – Germany, Berlin, Wuhlheide (AVAILABLE NOW)

6/17/11 – Sweden, Gothenburg, Metaltown Festival (AVAILABLE NOW)

6/19/11 – Finland, Seinajoki, Provinssirock (AVAILABLE NOW)

System Of A Forever

System of a Down é uma banda armeno-americana de metal com pouca noção do perigo, possuem uma predisposição para fazer letras críticas e pesadas, tanto musicalmente quanto em relação ao conteúdo, fora algumas específicas que fazem criticas pseudo veladas ao estilo norte americano de viver.

Foi formada em Glendale – Califórnia, em 1994 por Serj Tankian (vocais, teclados), Daron Malakian (guitarra, vocais), Shavo Odadjian (baixo) e Andy Khachaturian (bateria), mas por uma lesão, Andy saiu em 1997 e entrou John Dolmayan..

Coisas interessantes sobre a banda é que uma das músicas mais conhecidas e por um acaso a que me fez gostar do som dos caras, a B.Y.O.B., e que por outro acaso gera controvérsias quanto a pronúncia até hoje, foi motivo de processo jurídico, um amigo de Daron jura que foi co-autor da musica, Serj e Daron provaram que são os únicos autores e o amigo pilantra saiu com um mão na frente e outra atrás.

As músicas Boom! e Tentative foram tocadas uma única vez ao vivo em um show, Boom! em um show beneficente em Los Angeles junto da banda Red Hot Chili Peppers em 2003 e Tentative em janeiro de 2005 quando voltaram das férias e participaram do festival Big Day Out.

A música Chop Suey foi lançada junto do álbum Toxicity, na semana do ataque às torres gêmeas… não teve uma rádio sequer que continuou tocando a musica, pois destacaram certa semelhança entre a letra e os ataques, o sucesso do álbum e do single se deveu à falta de escrúpulos de emissoras independentes que continuaram passando o clipe.

%d blogueiros gostam disto: