Vishows

Para quem gosta de ver e ouvir ao vivo – Blog & Podcast

Arquivos de tags: Indie

SWU 2011 – Bons shows e um conceito a ser provado …

20111107-215308.jpg

A pretensão é tornar o Festival sério e ponto de mobilizar a galera alternativa… Mas na real a idéia de ir até Paulínia, gastar um monte de gasolina, pagar pedágio e acampar para não voltar detonado da trip, ainda tem que se provar válida… vamos ver o que vai rolar nesse ano e dar o veredito, afinal é tudo marketing ou é sério ?

Mas na certa, vão rolar grandes shows, e música é música, então vamos ver os melhores shows e roubadas dia a dia da nova versão do SWU 2011 em Paulínia Rock City.

Sábado – 12 de novembro – Destaques

Palco Principal

15:00 – 15:45
Emicida – não precisa provar nada e pelo talento podia estar melhor posicionado, vai ser grande show.

15:50 – 16:50
Michael Franti & Spearhead – som de balada californiana, com cara de verão e letras sociais, deve surpreender positivamente.

18:00 – 19:15
Marcelo D2 – É sempre bom ao vivo, mas não faz minha cabeça (se é que vc me entende).

19:20 – 20:20
Damian ‘Jr. Gong’ Marley – O mais novo dos Marley, em alta com vários projetos e provavelmente o melhor show do Sábado.

20:25 – 21:25
Snoop Dogg (1:00) – Snoopy está na encruzilhada Mainstream , e já caminha para satisfazer primeiro seu Superego.

21:30 – 23:30 Kanye West (2:00)
Até quando um impostor agüenta, nunca me convenceu, melhor buscar outro palco.

23:35 – 01:35
Black Eyed Peas (2:00) – Ver o fim deles no topo pode ser um bom e memorável programa. Melhor tomar um energético…

New Stage : nada a destacar, o oposto do Rock in Rio.

Domingo – 13 de novembro – destaques

Palco principal

15:00 – 16:00 Zé Ramalho
O paraibano é gênio local e herdeiro, involuntário ou não, do hippismo e Raul Seixismo setentista. Sempre um grande show, mas devia abrir o Peter Gabriel.

16:05 – 17:05 Ultraje a Rigor
A mesma piada há 30 anos,mas a diversão é sempre garantida, afinal não se levam a sério… Ou não deveriam…

18:30 – 19:30
Chris Cornell – em plena volta do Soundgarden… Show estranho, abrindo para o Duran Duran… Programação Wake Up !!

19:35 – 20:50
Duran Duran – Que porra é essa ?! Os 80’s já saíram da moda, afinal só os 2 primeiros discos valeram a pena, o resto é tudo pose. Save o technopop cafona.

20:55 – 22:40
Peter Gabriel & The New Blood Orchestra – Agora sim, finalmente um PUTA SHOW! Minha idéia seria ir ver o Peter Gabriel e voltar direto para Sampa! Mas vale a pena ?!

SIM – Se vc não conhece o cara veja os vídeos selecionados pelo Blog!

Sledgehammer

Shock the Monkey

Solsbury Hill

Big Time http://www.youtube.com/watch?v=gkIFL4yqXm8

Games Without Frontiers http://www.youtube.com/watch?v=zP1_pZkJTvk

22:45 – 00:15
Lynyrd Skynyrd – Aposta no southern Rock foi um erro, mas deve ser um show interessante. Vale pela arqueologia roqueira, mas os yankees definitivamente não encarnam o suposto espirito engajado do festival. Que doidera sem sentido… Os caras na real não manjam nada de música… É mais um show tributo, pois a banda já era … Ou melhor … Já foi.

New Stage: destaques

19:30 – 20:30
Modest Mouse – Esses são preferidos do Blog ! Boa alternativa ao Duran Duran… Lembrar de sair a tempo de perder o Hole e ver O Peter Gabriel.

20:45 – 21:45
Hole – A segunda maior viúva do Rock de todos os tempos, promete no mínimo causar em sua volta ao país. Viva a Yoko Ono Grunge !!

Segunda – 14 de novembro

Palcos principais: Destaques

14:10 – 14:55
Raimundos – A volta dos que não foram, mas que já foram a maior banda de rock do Brasil, afinal os anos 90 voltaram!

15:00 – 16:00
Duff McKagan’s Loaded (1:00) – Duff é legal , mas o show vai ser um culto das viúvas do Guns. Que Horror !

19:20 – 20:20
Sonic Youth – Os ícones Indie americanos, podem após o fim da relação conjugal dar em Paulínia o ultimo show ! Será ?! São ótimos ao vivo!

20:25 – 21:25
Primus – Desperdício de talento em estado bruto ! Som de músicos para músicos.

21:30 – 22:30
Megadeth – Depois do Mettalica, pelo menos quero ver se Mustaine mantém a forma, ou virou personagem de sí mesmo.

22:35 – 23:50
Stone Temple Pilots – Muito legal, grande volta e ponto dentro do line-up! Finalmente alguém sacou o HYPE Grunge de volta.

23:55 – 01:25
Alice In Chains – Os STP deviam tocar depois, mas o Alice sempre foi grande no Braza, a volta dos 90’s !

01:30 – 03:15
Faith No More – Fecham a noite, afinal sao reis na América do Sul ! Amo a banda e os shows valem a pena.

New Stage – Só o Ash salva, e mesmo assim o foco é o main stage.

Boa sorte galera, e viva a Sustentabilidade … Vamos ver… Né… Teremos nossos correspondentes e vamos monitorar forte on-line, green wash é feio… Quero ver rolar dessa vez !!

Anúncios

Emissão 51 – Occupy Wall Street Podcast

Ray Davies com Bruce Springsteen – Better Days, Atari Teenage Riot – Rearrange Your Synapses,
Arctic Monkeys – Don’t Sit Down ‘Cause I’ve Moved Your Chair, The Vaccines – Blow it up (Londres 2010 – indie rock revival), The Subways – We don´t need money to have a good time, Beastie Boys – Multilateral Nuclear Disarmament, Ladytron – Altitude Blues, Kate Bush – Deeper Understanding, Danger Mouse & Daniele Luppi – The Matador Has Fallen, Broken Social Scene – World Sick, Calle 13 – Calma Pueblo, Bjork – Crystalline, Charles Bradley – The World (Is Going Up In Flames).

Este slideshow necessita de JavaScript.

Morrissey ainda reina (Novo tour europeu e 3 sons novos de matar)

Morrissey

Morrissey

O cantor inglês em pleno 2011, não só mostra a boa forma lançando 3 sons novos como entra em tour de verão agitando gerações em todo mundo.

A data é emblemática, pois o super álbum dos The SmithsThe Queen is Dead” comemora 25 anos… o meu no bom e velho vinil, continua em ótimo estado mostrando a magia de clássicos indie eternos como “Bigmouth Strikes Again” , “The Boy with the Thorn in His Side” , “There Is a Light That Never Goes Out” e “Some Girls Are Bigger Than Others.

Mas como o clima não é de nostalgia, segue Morrissey com os sons novos “Action is my middle name” , “The Kid´s a looker” e a minha preferida “People are the same everywhere“.

Action is my middle name

The kid´s a looker

People are the same everywhre

The Drums em São Paulo no Estúdio EMME (Aquecimento Lollapalooza Chile 2011)

Algumas atrações do Lollapalloza Chile, vão aproveitar a viagem e se apresentar em terras brasileiras, entre eles vale mesmo destacar a banda The Drums , que direto do Brooklin (NYC) apresentam um som pop/indie de qualidade.

Jonny Pierce (vocal), Jacob Graham (guitarra), Adam Kessler (guitarra) e Cannor Hanwick (bateria) devem tocar sons do recente álbum, “The Drums”, de 2010 que foi bem recebido pela mídia especializada, apontando o grupo como uma das grandes apostas desse ano.

O show promete com o hit “Let’s Go Surfing” e as ótimas “Down by the Water” , “Me and the Moon”, além do single “Forever and Ever Amen,  Book of Stories”;

A abertura do show fica por conta do Funhell DJs, que preparam os convidados para a apresentação com muito rock e eletro.

Confiram o Setlist dos caras em Bruxelas – Bélgica – 16/Dez/2010 – como referência para o show de Sampa.

Best Friend, Submarine, Book Of Stories, Make You Mine, Let’s Go Surfing, Me And The Moon, I Need Fun In My Life, Don’t Be A Jerk, Johnny, We Tried, Forever And Ever Amen, Baby – That’s Not The Point, The Future, BIS, Down By The Water.

Ingressos – R$ 80 no primeiro lote, R$ 100 no segundo lote e R$ 120 no terceiro lote.

Onde – Bilheteria do ESTÚDIO EMME ou pelo site Live Pass (www.livepass.com.br).

    Podcast – Emissão 47 – Revolution @TV

    Cérebro Eletrônico em noite chuvosa no Sesc Vila Mariana (11/Dez/10)

    O Sesc Vila Mariana é um espaço muito bom, mas tem como principal característica ser um Teatro, e como tal, fica vazio com cerca de 250/300 pessoas, criando um enorme desafio para qualquer banda.

    Cérebro no Sesc

    O Sábadão foi ingrato, em pleno Dezembro, começando britanicamente às 21:00, em mais um dia de chuva mega em São Paulo…

    Cheguei pouco antes e deu para observar e quase contar o público que foi entrando atrasado, composto por Fãs Indies, Familiares/Amigos reunidos + frequentadores do circuito Sesc e “modernos/informados/infiltrados” (será?) em geral.

    Que o show sirva de aprendizado ao Cérebro Eletrônico, uma das bandas mais legais e inteligentes da atualidade, mas que precisa se preparar para ter a mesma pegada e interatividade fora do circuito alternativo onde fez nome.

    Essa transição é o desafio de Tatá e Cia, pois logo de cara em 2011 tocam no Auditório Ibirapuera, lugar com
    as mesmas características do Sesc e vai exigir maiores doses da teatralidade inerente às performances “normais” da banda.

    Todo lance carnavalesco do combo paulista/bragantino ficou preso à parte final do show, que previlegiou o ótimo disco novo “Deus e o Diabo no Liquidificador” e mostrou uma banda entrosada e com sonoridade mais pop-rock, eu gostei do Show mas acho que só “pegou” mesmo no final.

    Pelo visto em 2011 vai ser a hora da banda se mostrar para um público maior, já que tem um repertório
    interessante e uma crítica em geral positiva, mas vão precisar mostrar maior dinâmica em locais menos intimistas, onde já dominam e chegam sempre mostrando serviço.

    Prá fechar a bem humorada – “Garota Estereótipo” – MUITO LEGAL

    Don´t play for apartheid agora com The Fall

    Mark E Smith

    A banda inglesa THE FALL, liderada pelo mítico Mark E Smith, enfrentou protestos em show recente no Electric Ballroom em Londres. Os manifestantes são parte do movimento “Don´t play for apartheid“, composto por Israelenses que apóiam iniciativas de boicote a apresentações em Israel, enquanto a questão da soberania Palestina não for equacionada através da Paz.

    Antes do The Fall, bandas e cantores como Klaxons, Pixies, Elvis Costello, Gil Scott-Heron e Faithless foram alvo dessa ação, e todos sem excessão cancelaram os shows em solidariedade ao movimento, que se inspira em iniciativas similares realizadas contra a África do Sul racista nos anos 80 e 90.

    Ainda não sabemos qual será a reação da banda, mas por enquanto os shows em Israel marcados para Jan/2011 estão confirmados. 

    O legal é que independente das polêmicas, o conjunto continua na ativa e com produção constante, se consolidando como um dos mais relevantes artistas do Reino Unido.

    Seguem 2 vídeos da banda, primeiro a nova Greenway ao-vivo no referido concerto londrino, e na sequencia a clássica Mr. Pharmacist.

    Emissão 44 – Na Atividade

    Eric Clapton – I´m going left, Kings of Leon – Radioactive, Josh Rouse – Directions, Free – Fire and Water, Blue Cheer – Rock me Baby, Black Crowes – Evil Eye, The Troggs – Widge You, David Bowie – Bombers, MQN – Cobra, Annie Lennox – Sweet Dreams, Focus – Hocus Pocus, Pete Yorn – I wanna be your boyfriend, Maryslim – I Believe in miracles.

    Este slideshow necessita de JavaScript.

     

    Som do Blog Vishows – Banda “Mean Creek” com “The Comedian”

    Mean Creek - Indie Rock from Boston

    Sonzeira recomendada pela revista eletrônica Spinner (onde você pode ouvir e baixar o som 4Free) e que não saí do playlist Vishows… a banda Mean Creek de Boston faz um som com guitarras viajantes e clima jazzy que vale a pena conferir.

    Aqui vídeo/performance do som novo dos caras com “The Comedian”

    Mean Creek, “The Comedian” from Boston Phoenix on Vimeo.

    FISHBONE com sua mistura sonora no Brasil em Julho/2010

    O rock alternativo dos americanos Fishbone, chega para Tour na América do Sul em Julho/2010.

    Desde 1979 na ativa, os caras vieram de Los Angeles e ajudaram a formar a cena local com Red Hot Chili Peppers e Janes Addiction. Seu som vai do rock alternativo ao ska, punk rock, funk, hard rock, heavy metal, reggae, soul …

    Nesse super caldeirão de influências e sons, surgiram clássicos dos anos 90 como “Sunless Saturday” e “Everyday Sunshine”, mas a fama dos caras vem mesmo da cena alternativa onde mantiveram ativos os adeptos com sons de qualidade e muita credibilidade.

    Confiram as datas e locais dos shows e na sequencia os vídeos de Sunless Saturday (Ao vivo em 2009) e Everyday Sunshine.

    ARGENTINA
    Buenos Aires
    20/Jul – Teatro Colegiales

    BRASIL
    São Paulo
    22/Jul – Eazy
    25/Jul – Carioca Club

    Curitiba
    23/Jul – Village Batel

    Rio de Janeiro
    24/Jul – Circo Voador

    Mark Lanegan em Sampa agitando o Comitê – Jun/2010

    De volta ao Brasil, o outrora grunge Mark Lanegan, sensacional cantor e compositor americano, vai tocar em junho em Sampa no Comitê (R$ 90,00) em Tour na América do Sul, que vai passar ainda por Buenos Aires e Santiago.

    Lanegan tem uma das vozes mais únicas do mundo (grave e rouca como poucas), e após uma carreira de sucesso no Screaming Trees, iniciou um admirado trabalho solo que intercalado com inúmeras participações em projetos como o mega grunge Mad Season , os sons com Josh Homme e os Queens of the Stone Age, além do trabalho com Isobel Campbell (ex- Belle & Sebastian) e Greg Dulli (The Afghan Whigs) com os Gutter Twins.

    Saiba mais

    %d blogueiros gostam disto: